jusbrasil.com.br
18 de Junho de 2021

Me cadastrei como Advogado, por que estou recebendo Casos Jurídicos por e-mail?

Jusbrasil, Advogado
Publicado por Jusbrasil
há 8 anos

Lista de Advogados

Quando cidadãos, empresas, ou até outros advogados, vão à Internet à procura de serviços jurídicos, eles acabam recorrendo ao Jusbrasil. Através da Lista de Advogados Jusbrasil, milhares de advogados tornam-se acessíveis para os 20 milhões de usuários do portal.

Se você é um Advogado cadastrado no Jusbrasil basta marcar a opção "participar da lista de advogados" em suas configurações e você já estará aparecendo gratuitamente na Lista, nas localidades e áreas de atuação que especificou.

O que são Casos Jurídicos?

Todos os meses o Jusbrasil recebe milhares de contatos dos seus usuários relatando seus casos jurídicos - situações onde precisam de orientação ou mesmo de serviços jurídicos. Em outras palavras, da perspectiva do advogado, cada caso jurídico representa um potencial cliente.

Como e por que recebo Casos Jurídicos?

Fazendo parte da Lista de Advogados Jusbrasil você receberá, gratuitamente, os Casos Jurídicos enviados pelos usuários do Jusbrasil. Prioritariamente, serão exibidos os Casos congruentes com as informações do seu perfil, tais como:

  • Suas áreas de atuação;

  • Seus locais de atuação;

  • E se você faz correspondência ou Advocacia de Apoio;

Você será notificado da chegada de um novo caso através do ícone de notificações profissionais, em verde, na barra superior do Jusbrasil.

Me cadastrei como Advogado porque estou recebendo Casos Jurdicos por e-mail

Também, você será notificado por e-mail, sempre que um caso de sua localidade e área de atuação for recebido pelo Jusbrasil.

Caso deseje parar de receber os casos jurídicos por e-mail, basta configurar a sua conta da seguinte forma:

  • Acesse a página de configurações de seu painel profissional;

  • Na seção “Notificações profissionais”, desmarque a opção “Por e-mail”

Pronto! Deixará de receber as notificações de novos casos jurídicos por e-mail.

O que preciso para responder os casos e contactar os potenciais clientes?

Todo advogado recebe gratuitamente os casos jurídicos para que você possa entender as demandas jurídicas enviadas para sua região e assim preparar-se para atendê-las. No entanto, para visualizar os dados de contato dos remetentes, bem como para respondê-los, é preciso ser assinante Jusbrasil PRO.

Como Advogado Jusbrasil PRO, sou obrigado a atender os Casos Jurídicos que recebo?

Não, você só deve atender um caso se estiver confortável para dar a devida atenção.

Não quero receber ou ser notificado dos Casos Jurídicos. O que faço?

Caso deseje parar de receber os Casos Jurídicos, basta configurar a sua conta da seguinte forma:

  • Acesse a página de configurações de seu painel profissional;

  • Na seção de Notificações Profissionais, basta desabilitar as notificações desmarcando as opções disponíveis.

173 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

A partir do momento em que o JusBrasil PRO disponibilizar a alternativa de pagamento por boleto bancário certamente ativarei meu cadastro. Não uso Cartão de Crédito, e não pretendo comprar o pre, conforme sugerido. continuar lendo

É o meu caso continuar lendo

Não entra nessa, que não vale a pena. Depois que você entra, não tem como falar e nem reclamar com o JusBrasil. Para cobrar são ótimos. continuar lendo

possibilitem outra forma de pagamento para aderir ao sistema JusBrasil PRO continuar lendo

Não sou advogado,mas sou professor.Acho ótimo e aprendo sempre.Parabéns!!! continuar lendo

Boa noite prezados,
Eu estou com um pé atrás sobre essas notificações que recebo de "potenciais clientes" recorrendo a ajuda aqui.
Gostaria de saber se alguém que é cadastrado no PRO poderia me confirmar a realidade e a credibilidade dessas consultas que recebemos? Alguém conseguiu fechar a contratação de serviços por esse canal? Ocorre com frequência?
Estou muito tentado, pois todo dia aparece algo que pode ser revertido em trabalho e, consequentemente, remuneração, mas não quero ter dor de cabeça depois de pagar para reaver meu dinheiro em caso de não ser o que a propaganda do site indica ser. continuar lendo

Boa Noite Leonardo Araujo. Eu concordo com Vosso Senhoria. Não há em queisquer outras profissões essa tal consulta grátis, só vemos essa coisa na Advocacia. Ademais, você ter que pagar para dar consulta e parecer, com uma perspectiva de ser contratado por quem lhe fez a solicitação. Consulta, eu só admito pessoalmente e, que seja no escritório; essas feitas por E-mail, você nem sabe que estar no outro lado.
Portanto, nada garante que depois dessa consulta o Advogado que a respondeu vai ser contratado. Não temos de pagar para trabalharmos. Tempo é ouro. Não sou materialista, não vivo só do dinheiro; mas temos de saber para quem vamos trabalhar. Já trabalhei totalmente de graça para um necessitado, que ao encontrar seus pais na porta do Presídio, chorando e pedindo ajudo para tirar seu filho daquele INFERNO, dizendo que era um trabalhador e que NÃO merecia estar ali. Então eu ao verificar a situação, entrei no Presídio, falei com o preso (filho desses pais chorantes), ao ver suas mãos cheias de CALOS por ser um trabalhador de construção civil, na função de virador de ferro e mexedor de concreto para lajes e, que me contou sua história que estava ali por ter sido induzido a praticar um furto de uma Moto, junto com um elemento que conheceu em um bar, elemento este, que após ser preso, ele ficou sabendo no outro dia após a embriaguez, que o tal elemento era um fora da Lei. Conclusão. fiz seu pedido de liberdade provisório, e levei para Comarca do Município onde ocorreu o fato crime; já que eu iria para aquela Cidade; dei entra e ainda falei com a Promotora, esclarecendo o pedido e a situação. Com 4 dias o acusado foi solto, a família me telefonou e agradeceu. A vida de Advogado é assim, sempre nos deparamos com certas situações que devemos analisar, e muito bem. Contudo, temos que saber que o dinheiro não é tudo, mas se tiver que trabalhar grátis, que seja para quem os conhecemos. Abraços continuar lendo

Prezado colega, até agora não consegui contato com nenhum daqueles potenciais clientes a quem respondi. E, depois de ter respondido a vários, apareceu uma notificação de que eu havia atingido o número máximo de atendimentos. Fiquei sem saber a quem recorrer p entender o funcionamento do sistema, pois não tive acesso a termos contratuais que explicassem realmente como funciona. E como entrar em contato com o Jus Brasil? continuar lendo

Até hoje não recebi nenhum telefone de clientes. Eu fiz várias orientações e nada de clientes. continuar lendo